O programa Polos de Desenvolvimento foi criado pelo Governo do Estado de São Paulo com objetivo de incentivar o aumento da produtividade da indústria, atraindo investimentos, impulsionando a inovação e a geração de empregos e renda, reunindo na mesma região geográfica políticas para determinado setor produtivo.

Com a finalidade de fomentar as regiões e os setores, sem utilizar mecanismos de incentivos e benefícios fiscais, o Governo pretende aumentar a competitividade da indústria paulista, fornecendo elementos básicos para as empresas, como linhas de financiamento, oferta de qualificação profissional e incentivo às exportações, itens baseados em seis pilares:

  • Simplificação Tributária e Regulatória
  • Financiamento Competitivo – voltado ao adensamento da cadeia produtiva
  • Tecnologia e Inovação
  • Qualificação de mão de obra
  • Infraestrutura e serviços
  • Ambiente de negócios & Desburocratização – fast track de licenças e permissões, One Stop Shop

Ao todo, são 12 polos de desenvolvimento, os quais abrangem as mais diversas áreas, como as indústrias dos setores de Saúde e Farma, Automotivo, Químico, Têxtil e Couro, Calçados e etc. Por exemplo, a região de Campinas terá foco em Saúde e Farma, Agritech, Serviços Tecnológicos, Químico, Borracha e Plástico.

As ações do programa serão implantadas em conjunto com outras Secretarias de Estado, entidades setoriais, associações e universidades, garantindo que soluções integradas com os mais diversos entes promovam o crescimento da indústria e a atração de investimentos.

 

José Thomaz Cavalcanti de Albuquerque Lapa

jose.lapa@fius.com.br

_

Gabriel Rodrigues Barão

gabriel.barao@fius.com.br